close
CorrosãoO Aço Inoxidável

O que é a camada passiva do aço inox?

A

Ao contrário de outros metais, o aço inox permanece, por muitos anos, brilhante e com um aspecto positivo, sem corrosão. Isso se deve à camada passiva do aço inox.

Em um processo de corrosão, a camada passiva é a responsável por garantir que o aço inox mantenha-se durável e possa ser utilizado para a aplicação desejada.

No post de hoje, saiba mais sobre o que é e veja a importância da camada passiva do aço inox, além de dicas de como escolher um fornecedor para este material. Confira!

camada passiva do aço inox

Afinal, o que é a camada passiva do aço inox?

Primeiramente, é preciso entender como o conceito de corrosão funciona. O que popularmente é conhecido como corrosão é, na verdade, a formação de óxido de ferro na superfície do material.

A camada passiva, nesse caso, é uma espécie de película protetora que garante a característica inoxidável para o aço. Trata-se de uma proteção química inerente ao aço inox, que o protege do surgimento de ferrugem.

Além disso, a camada passiva possui capacidade de autorregeneração. Assim quando a superfície do aço inoxidável é danificada por um arranhão, por exemplo, a camada passiva se recompõe quase que no mesmo instante. Isso se deve à presença do cromo da camada passiva, que continua reagindo com o oxigênio do meio.

A camada passiva do aço inox é invisível a olho nu, apresenta uma espessura bastante fina e é muito aderente ao inox.

Por que é importante investir em aço inox?

A importância e a versatilidade do aço inox para diferentes projetos e aplicações é enorme. Desde utensílios domésticos até indústrias petroquímicas, o aço inox está presente para garantir maior maleabilidade na fabricação de produtos, conservação de calor em equipamentos industriais e muito outros benefícios inerentes ao uso desse metal.

A camada passiva, embora forneça a resistência buscada pelo aço inox, não é a única característica responsável para as diferentes aplicações do material. Substâncias como o níquel, o molibdênio e o carbono também têm propriedades que garantem resistência ao material e o adequam a projetos distintos.

Mesmo tipos de aço mais comuns no dia a dia, como o aço 304, por exemplo, têm sua utilidade em diferentes ambientes que sofrem efeitos de corrosão e precisam da aplicação de um aço inox em seu maquinário ou ferramentas. Para saber mais sobre as diferentes famílias de aço inox e conhecer a diferença de cada um dos tipos de aço inox disponíveis no mercado, não deixe de ler o ebook gratuito ABC do Aço Inox.

 

Escolhendo o fornecedor ideal para o aço inox

Quando a camada passiva do aço inox é aliada a outras substâncias, isso torna o material mais adequado para aplicações específicas demandadas por seu projeto.

Mas como saber, dentre as opções do mercado, qual fornecedor vende o produto recomendado e com o melhor custo-benefício?

Encontrar o fornecedor ideal pode exigir um certo trabalho, especialmente para compradores que estão pela primeira vez tendo contato com o material.

Muitas vezes, a prioridade em escolher um aço inox vai além da vantagem da camada passiva, exigindo do comprador conhecimentos técnicos difíceis de serem obtidos rapidamente em prazos curtos.

Por isso, fique atento à qualidade oferecida pelo fornecedor e às suas certificações. Competência e experiência no mercado também contam muito. Peça recomendações, fale com outros clientes desse fornecedor, faça um teste e confira de perto se o profissional responsável pela venda de aço inox tem o que seu projeto necessita – e com as condições ideais.

Caso deseje saber mais sobre aplicações industriais, domésticas e comerciais para o aço inox, bem como a melhor opção em custo-benefício desse metal, baixe gratuitamente o ebook Manual do Comprador da Losinox!

 

E então, ficou com alguma dúvida sobre a camada passiva do aço inox? Deixe sua mensagem nos comentários e para mais informações entre em contato com a Losinox!