close
Sem categoria

Entenda a diferença da chapa de inox 304 para a chapa de inox 430

chapa de inox

O aço inoxidável está presente no nosso dia a dia devido à sua praticidade e versatilidade, além da sua solução estética. O rol de qualidades do material acaba por oferecer um excelente desempenho, conquistando um novo segmento de mercado. Com baixo custo de manutenção e sendo 100% reciclável, a chapa de inox 304 e a 430 são bastante utilizados para a fabricação de mesas, estantes, prateleiras e fogões. Também para objetos como pias, porta-facas e porta-comandas, a chapa de inox 304 é recomendada por especialistas.

Neste artigo, compreenda melhor as características e as diferenças entre a chapa de inox 304 e a chapa de inox 430. Acompanhe a seguir.

Manual do comprador

O aço inox

O aço inox tem como composição a seguinte fórmula: liga de Ferro + Carbono + Cromo Mínimo de 10,5%. Ou seja, ele é, basicamente, uma liga ferro-cromo, com teor mínimo de 10,5% de Cromo.

Os aços inoxidáveis são, basicamente, ligas de ferro-cromo. Outros metais atuam como elementos de liga, mas o cromo é o mais importante. Sua presença é indispensável para conferir a resistência à corrosão.

Graças à formação de um óxido protetor que impede o contato do metal base com a atmosfera agressiva, hoje, podemos observar inúmeras aplicações do aço inoxidável como, por exemplo, em eletrodomésticos, cozinhas, automóveis, ônibus, vagões ferroviários, em fachadas, elevadores, escadas rolantes, equipamentos hospitalares, bens de capital e na indústria em geral.

Diferença entre a chapa de inox 304 e a chapa de inox 430

Para entendermos a diferença entre a chapa de inox 304 e a 430, é importante saber que eles pertencem a famílias diferentes de aço. O aço inox AISI 304 pertence à dos Austeníticos, enquanto o Aço Inox AISI 430 pertence à família dos Ferríticos.

Isso significa que o 304 é composto basicamente por ferro, cromo (pelo menos 18%) e níquel (8%), o que garante a alta resistência à oxidação e corrosão, a boa conformabilidade e boa soldabilidade. Ainda, esse aço não é magnético.

Já o 430 não possui níquel em sua composição, o que reduz seu custo e o torna magnético. É mais difícil de soldar e, embora apresente propriedades inferiores às do 304, também pode ser utilizado na fabricação de equipamentos para cozinhas profissionais. Conheça as principais características de cada família:

Aço inoxidável 304: Austenítico (Tp 304,304L, 316,316L, etc.)

O aço inoxidável 304 é da família dos austeníticos e formado, principalmente, de ligas de Ferro + Cromo + Níquel, que se caracterizam por: elevada resistência à corrosão; soldáveis por diversos processos; alta ductilidade; são adequados para trabalho a altas e baixas temperaturas (aplicações criogênicas); são endurecíveis por encruamento (formação de martensita induzida por deformação); não magnéticos, mas podem apresentar leve magnetismo após conformações (corte, dobra, estampagem, re-laminação a frio); com adição de outros elementos químicos em sua composição química, melhoram suas propriedades (resistência à corrosão, resistência mecânica à medidas temperaturas, etc.).

Sua aplicação pode ser encontrada em: utensílios domésticos; fins estruturais; equipamentos para indústria química e naval; indústria farmacêutica; indústria têxtil; indústria de papel e celulose; refinaria de petróleo; permutadores de calor;válvulas e peças de tubulações; indústria frigorífica; instalações criogênicas; depósitos de cerveja; tanques de fermentação de cerveja; equipamentos para refino de produtos de milho; equipamentos para leiteria; cúpula para casa de reator de usina nuclear; tubos de vapor; condutores de águas pluviais e calhas.

Aço inoxidável 430: Ferrítico (Tp 409,410S, 430, etc.)

O aço inoxidável 430 é da família Ferrítico, formada principalmente de ligas de Ferro + Cromo, que se caracterizam por: elevada resistência à corrosão; soldáveis, mas necessários cuidados e análises mais profundas; podem ser dobrados, cortados, furados, etc.; algumas das ligas são adequadas para temperaturas moderadamente elevadas; endurecem muito pouco por encruamento; são magnéticos; e têm elevada resistência à corrosão sob tensão.

Sua aplicação é utilizada para adornos de automóveis; calhas; máquinas de lavar roupa; revestimento da câmara de combustão para motores diesel; equipamentos para fabricação de ácido nítrico; fixadores; aquecedores; portas para cofres; moedas; pias e cubas; baixelas; utensílios domésticos; revestimentos de elevadores.

Ambos os tipos têm diversas aplicações práticas, industriais, médicas e domésticas

O aço inoxidável 430 é ideal para a produção de acabamentos automotivos e para o interior de secadores e máquinas de lavar louça. Já o 304 é utilizado pelos fabricantes na produção de pias de cozinha, bancadas, equipamentos de processamento de alimentos e outros maquinários para ambientes corrosivos.

O tipo 430 é um dos mais populares tipos de aço inox. Agora, tanto o 430 quanto o 304, apesar de apresentarem diferentes tipos de misturas, ambos os tipos têm diversas aplicações práticas, industriais, médicas e domésticas.

E então, tiramos sua dúvida sobre a diferença entre a chapa de inox 304 e a chapa de inox 430? Se você tiver algum questionamento, deixe sua mensagem nos comentários ou entre em contato com a Losinox. Até a próxima!