close
Sem categoria

Sustentabilidade do aço inox: saiba mais!

sustentabilidade do aço inox

A sustentabilidade não é mais apenas um conceito abstrato ou um ideal distante. Ela, cada vez mais, mostra-se presente na mente, nas decisões de compra e no comportamento das pessoas. E isso impulsiona consumidores e empresas a reverem seus hábitos. É nesse contexto que a sustentabilidade do aço inox mostra-se cada vez mais relevante.

De fato, conforme pesquisa realizada pelo Instituto Akatu, um percentual crescente de pessoas tem valorizado mais as práticas sustentáveis, incorporando pequenas ações sustentáveis em suas rotinas e sendo mais exigentes com as empresas em relação ao seu compromisso com questões socioambientais. Outro estudo demonstrou que o brasileiro ocupa o terceiro lugar no ranking de povos com maior consciência e preocupação com a sustentabilidade.

E você, está procurando formas de incorporar práticas mais sustentáveis em sua rotina? Então, não deixe de conhecer mais sobre a sustentabilidade do aço inox. Acompanhe a seguir.

Por que o aço inox é mais sustentável?

O aço inox é considerado o metal mais sustentável entre os disponíveis comercialmente no mercado. Ele está alinhado ao conceito de desenvolvimento sustentável, que é aquele que supre as necessidades do presente sem comprometer a habilidade das gerações futuras em suprir as suas próprias necessidades.

Trata-se de um insumo ecologicamente correto em relação a outros tipos de materiais, apresentando um teor reciclado médio de 60% e sendo 100% reciclável.

A sustentabilidade do aço se apresenta, ainda, pela sua possibilidade de reutilização, visto que seus resíduos, por isso, não serão desviados para aterros sanitários. Ainda, trata-se de uma matéria-prima quimicamente segura, que não polui rios e mares.

Sustentabilidade do aço inox: por que escolhê-la?

Além de todos os benefícios que vimos, podemos ainda destacar:

1. A durabilidade do aço inox

A elevada durabilidade de produtos feitos desse material  faz com que menos rejeitos sejam descartados no meio ambiente ou precisem ser submetidos ao processo de reciclagem.

2. A segurança química do metal

Se outros metais forem descartados em um pequeno rio, provavelmente a fauna e a flora local serão comprometidas, além de tornar suas águas impróprias para consumo. Se o mesmo ocorrer com o aço inox, não haverá tais impactos, pois ele é quimicamente seguro. Por isso, há, por exemplo, criadouros de peixes feitos desse material. Ou mesmo próteses internas utilizadas no organismo humano feitas em aço inox.

Ainda, sua segurança química é maior, pois os materiais de aço inox não utilizam tintas ou compostos químicos poluentes (como o verniz de uma madeira, por exemplo).

3. O potencial de reciclagem do aço inox

Como vimos, esse metal é 100% reciclável, podendo passar por incontáveis processos de reciclagem sem perder sua qualidade e suas propriedades. Além disso, ao contrário de outros materiais, sua reciclagem tende a ser simplificada.

4. A sustentabilidade do aço inox em seu processo produtivo

Busca-se melhorar continuamente o processo produtivo do aço inoxidável. Da década de 1960 para cá, as emissões de CO2 caíram para metade e a de partículas foi diminuída em mais de 90%.

Ainda, essas partículas são quase completamente recicladas e os gases residuais são reutilizados para a produção de energia. Outro fator importante é que boa parte da produção do material é feita em siderúrgicas que são alimentadas com sucata reciclada e não geram emissões de CO2.

Assim, seja na construção civil, na decoração, em utensílios domésticos ou industriais, a sustentabilidade do aço inox se faz presente. Preferir os produtos feitos a partir desse metal é uma escolha que, além de garantir itens de beleza e qualidade, ainda auxilia o meio ambiente.

E então, o que você achou sobre a sustentabilidade do aço inox? Você pensa em optar por ele em suas próximas decisões de compra? Deixe sua mensagem nos comentários.