close

Corte a Plasma

Corte a Plasma

Corte a plasma em alta definição! Conheça a diferença.

corte de plasma

A história do processo de corte a plasma em aço inox é marcada por inovações mecânicas e pelo aprimoramento de técnicas que fazem com que esse método de corte de metais possa ser executado com uma maior consistência e permita uma deformação mais precisa do aço inox em suas diversas aplicações na indústria. No artigo de hoje, confira algumas das principais diferenças entre o corte a plasma convencional para a tecnologia empregada no corte a plasma em alta definição.

? corte a plasma de alta definiÇÃO

Diferença #1.? Velocidade do corte

O método de corte a plasma em alta definição consiste em um canal extra para saída de gás expelido por um bico de tamanho reduzido.

Diferentemente do processo de corte a plasma em aço inox convencional (conhecido na indústria como o processo de oxicorte), o corte a plasma em alta definição, por ter uma tecnologia de jato de ar auxiliar aplicada no mesmo eixo do jato de plasma, cria uma força que permite que a velocidade do corte possa ser aumentada de forma que seu ângulo também possa ser diminuído.

Em relação ao corte a plasma em alta definição, o processo do oxicorte toma um tempo maior e, muitas vezes, por operar em velocidades baixas e com menor precisão, impede que chapas muito finas de aço inox possam ser cortadas com eficiência.

Diferença #2.? Desempenho e consistência no processo

O desenvolvimento do método corte a plasma em alta definição deve-se, em grande parte, ? ? incorporação de tecnologias que até então não puderam ser empregadas no processo de corte a plasma por conta de seu alto custo na época.

Entre as tecnologias, temos a criação do processo Hyperformance, também conhecido como plasma de alto desempenho. Sua tecnologia de corte coaxial permite que o processo de alta definição não apenas desempenhe de forma superior a métodos convencionais de corte a plasma, como também ofereça? uma consistência no processo consumindo uma reserva de energia consideravelmente menor.

Diferença #3.? Vida útil das peças do maquinário

Quando uma peça é submetida ao processo de corte, é importante que o maquinário tenha uma boa durabilidade, sendo adequado para a fabricação em massa dos produtos necessários. Certos métodos de corte a plasma de aço inox, como o corte plasma com oxigênio, faz com que o bocal perca sua vida útil mais rapidamente.

Em tecnologias que utilizam o processo de corte a plasma em alta definição, a caneta do maquinário conta com uma tecnologia de proteção que garante sua utilização durante um período maior de tempo, permitindo o corte de chapas de aço por maior tempo sem a necessidade de manutenção do bocal e de seus canais para a saída de gás plasma.

Diferença #4.? Exigência de qualidade no corte

Quando nos referimos a um processo de corte a plasma em alta definição, falamos de um corte utilizando o gás plasma que praticamente elimina o chanfro, isto é, as arestas que podem acidentalmente surgir no corte de um material metálico como uma chapa de aço inox, e não gera escória (o subproduto no processo de manipulação e corte do material).

Isso é possível graças ao canal extra, utilizado para a saído do excesso de gás plasma, permitindo um corte com maior qualidade e garantindo que seu projeto de aço inox possa ser executado sem desperdício de energia ou de material.

Você ficou com alguma dúvida sobre a tecnologia de corte a plasma em alta definição? Para mais informações sobre como aproveitar os benefícios da qualidade de corte superior oferecida pelo corte a plasma em aço inox da Losinox, contate nosso consultor técnico! Clique aqui e saiba mais!

BAIXE O GUIA DO ACABAMENTO EM AÇO INOXIDÁVEL!

Corte a plasma em alta definição

read more
Corte a Plasma

Corte a plasma em aço inox? Entenda!

plasma

Metais condutores como o aço inoxidável e o alumínio necessitam de um corte preciso e ágil. Para satisfazer a esses critérios, utilizamos a tecnologia do corte a plasma em aço inox, que é a melhor opção em termos de custo x benefício para o corte do metal.

No artigo de hoje, conheça mais sobre a origem, o funcionamento e as aplicações relacionadas ao corte a plasma em aço inox. Confira!

A origem do corte a plasma em aço inox

A técnica do corte a plasma foi desenvolvida a partir dos conhecimentos ? e da experiência da indústria na soldagem utilizando o plasma, sendo que tanto o corte quanto a soldagem foram processos que sempre existiram lado a lado.

A adição do plasma ao processo da forma como conhecemos hoje data de 1955. Desde então, o processo foi sendo aprimorado? e tornou-se uma opção melhor e mais eficiente para o corte a plasma em aço inox a partir dos anos 1960, em relação ao oxicorte, a técnica até então tida como a mais precisa.

Fatores como a composição do plasma e dos componentes do maquinário foram aperfeiçoados para garantir uma melhor qualidade ao corte.

Aliado a sistemas de automação e a tecnologias que controlam a corrente elétrica, o fluxo do gás e a direção da chama, o corte a plasma em aço inox e demais metais evoluiu de um corte de boa qualidade para um corte de alta definição e velocidade sem comprometer a vida útil dos aparelhos e dos materiais sendo cortados, tornando-o o processo de maior crescimento na indústria.

O funcionamento do corte a plasma em aço inox e sua tecnologia

Plasma nada mais é do que um dos estados da matéria. Temos sólido, líquido, gasoso e o plasma, resultado do calor adicionado ao elemento gasoso.

Nesse processo de adição de calor, o gás é ionizado, isto é, gera partículas carregadas de elétrons e íons positivos. Isso faz com que o gás torne-se capaz de conduzir eletricidade, tornando-se no plasma. Esse gás ionizado é comprimido em alta temperatura e liberado por meio de uma pequena abertura. Dessa forma, o arco plasma e a alta velocidade derretem o metal, realizando o corte da peça.

Em uma operação doméstica, existem opções de cortadores de plasma portáteis, nos quais a peça de trabalho é cortada manualmente. Já em grandes instalações industriais, o processo de corte a plasma em aço inox exige um equipamento que possa atender ? s demandas de produção em massa.

Grandes operações exigem tecnologias de automação e controle de maquinário como o CNC (Controle Numérico Computadorizado), permitindo que o corte a plasma em aço inox seja padronizado e aproveitando o máximo a peça trabalhada.

Além disso, técnicas foram adicionadas para tornar o corte a plasma em aço inox mais eficiente e para otimizar a qualidade do processo industrial do sistema de corte a plasma com o CNC, como submergir a chapa de metal com a tocha em água, o que reduz o ruído da operação em mais de 40 decibéis, além de fazer com que a fumaça de plasma se dissipe e seja absorvida pela água e garanta? o manuseio imediato de uma peça com menor distorção irregular, pois o processo de submersão mantém a chapa de aço inox menos quente.

corte a plasma em aço inox na agua

A Losinox está sempre acompanhando as novas tecnologias de corte a plasma em aço inox, oferecendo uma qualidade superior no processo e máquinas dedicadas para o trabalho com aço inox, com uniformidade no corte e formato das peças trabalhadas. Confira em nosso site mais? informações sobre nosso serviço de corte a plasma em aço inox!

? corte a plasma em aço inox peças

Se você ficou com alguma dúvida sobre o tema, lembre-se que a Losinox disponibiliza um consultor técnico para sanar todas as sua dúvidas! Clique aqui e saiba mais|!

 

read more